domingo, 13 de outubro de 2013

O bairro de Felipe Camarão vai às ruas mostrar que "Toda forma de amor vale a pena"



Nesse dia 13 de outubro de 2013 aconteceu no Bairro de Felipe Camarão a 1º Parada LGBT que foi organizada pelo Grupo Gay de Felipe Camarão e pelo Levante Popular da Juventude. 
A parada tinha por objetivo lutar contra os crimes de homofobia, lesbofobia e transfobia no Bairro de Felipe Camarão, pois segundo organizadores da Parada esse casos de violência fazem parte do cotidiano do bairro. Uma realidade presente em todo o Brasil, 62% da violência homofóbica ocorre entre familiares e vizinhos, segundo dados divulgados pela Secretaria Nacional de Direitos Humanos da Presidência.
Outra pauta do movimento foi reivindicar o respeito nos serviços públicos de saúde para população de Travestis e Transexuais garantindo a Portaria Nº 1820 de 13 de agosto de 2009 que trata do direito das e dos Travestis, Transexuais e Transgêneros usarem o nome social nas escolas, hospitais e postos de saúde.
De acordo com Tibério Oliveira militante do Levante Popular da Juventude “A parada LGBT de Felipe Camarão é de grande significado para os LGBT´s do bairro, pois só através da visibilidade, reivindicação, organização coletiva podemos conquistar direitos e é assim que fizemos, hoje saímos as ruas para lutar contra todas as formas de opressão”.